________________________________


Comecei a escrever no momento em que percebi que só pensar não mais me satisfazia.

Precisava transbordar todo aquele pensamento que só ao meu universo de idéias pertencia.

Hoje, escrevo por pura necessidade, por irresistível vício e por agradável teimosia.




Claudia Pinelli Rêgo Fernandes ®



quarta-feira, janeiro 10, 2007

A Presença de uma Ausência...


























Um brinde à ausência que, todos os dias, coloca a minha inteligência a prova, em busca de algo - ou alguém - que a preencha...


"Depois do adeus fica aquele vazio imenso: a saudade.
Tudo se enche com a presença de uma ausência.
Ah! Como seria bom se não houvesse despedidas...

Alguns chegam a pensar em trancar em gaiolas aqueles a quem amam.
Para que sejam deles, para sempre...
Para que não haja mais partidas...

Poucos sabem, entretanto, que é a saudade que torna encantadas as pessoas.
A saudade faz crescer o desejo.
E quando o desejo cresce, preparam-se os abraços..."


(Rubem Alves)




No further questions, Your Honor... ;o)




Bjo.




Música: Sometimes do Candlebox.

3 comentários:

Edson Marques disse...

Os deuses do Acaso me trouxeram aqui...


e eu adorei!


Sem fantasia não se encanta o cotidiano!


Abraços, flores, estrelas..

£ady Mary disse...

Oi querida bonequinha!!!
Como estas? Ah que saudades de você!
Amei seu ultimo post, também sinto saudade, uma saudade que parece querer me rasgar ao meio...como um teste de resistencia...odeio isso =///

Desculpa pela ausencia querida ^^
Desabandonei meu blog agora =D

Beijus, e alias...bom começo de ano ^^

;****

Anônimo disse...

Vi seu blog no do Miguel.
Achei interessante.
Há algo em comum nos escritos... a vontade, talvez. Vontade das coisas...
Beijinhos

Related Posts with Thumbnails

Minha família

My kind of Spirit...


You are the elusive Night Spirit.
Your season is Winter, when the stars are bright and frost crystallizes the fallen leaves.
You are introspective, deep-thinking, and mysterious.
Everyone is intrigued and a little intimidated by you because you have an aura of otherworldliness.
You work in extremes, sometime happy, other times sad, but always creative and philosophical.
You are more concerned with the unseen, mystical, and metaphysical than the real world.
Night Spirits have a tendency to get lost in themselves and must be careful not to forget reality, but their imagination is limitless.