________________________________


Comecei a escrever no momento em que percebi que só pensar não mais me satisfazia.

Precisava transbordar todo aquele pensamento que só ao meu universo de idéias pertencia.

Hoje, escrevo por pura necessidade, por irresistível vício e por agradável teimosia.




Claudia Pinelli Rêgo Fernandes ®



segunda-feira, julho 25, 2005

Afinal, perder o quê?


Posted by Picasa

Quero escrever o borrão vermelho de sangue

Quero escrever o borrão vermelho de sangue
com as gotas e coágulos pingando
de dentro para dentro.

Quero escrever amarelo-ouro
com raios de translucidez.
Que não me entendam
pouco-se-me-dá.

Nada tenho a perder.

Jogo tudo na violência
que sempre me povoou,
o grito áspero e agudo e prolongado,
o grito que eu,
por falso respeito humano,
não dei.

Mas aqui vai o meu berro
me rasgando as profundas entranhas
de onde brota o estertor ambicionado.

Quero abarcar o mundo
com o terremoto causado pelo grito.

O clímax de minha vida será a morte.

Quero escrever noções
sem o uso abusivo da palavra.

Só me resta ficar nua:
nada tenho mais a perder.

Clarice Lispector


Bjo.

Música: Severance do Bauhaus.

3 comentários:

dan koralek disse...

Forte isso, hein?

Ives Pierini disse...

Linda ...tenho certeza que esse momento vai passar...e sei o que vc deve estar passando ....afinal vc é uma pessoa sensível e inteligente e essas qualidades reunidas as vezes causam esses "efeitos"colateráis" as vezes a solução pro mundo esta nas nossas cabeças e parece tão simples ....mas o problema é que a maioria das pessoas não é como vc, do bem afim de melhorar tudo de forma abnegada ....Bjos

Anônimo disse...

Amor da minha vida...
Sei que esses tormentos são naturais seus, e q só vc mesma pode resolver. Mas não tente aprender a viver com eles, ninguém se acostuma a viver com essa aflição... A receita existe sim, mas pra isso vc precisa querer cuidar dela, e vc sabe q há meios pra isso, mas só vc pode tomar essa iniciativa!!! Me dói ver vc nesse estado, principalmente por estar "longe" e não poder fazer nada. Sei q vc já sabe, mas nunca é demais falar q vc pode contar sempre comigo. "Stand By Me" meu amor, estarei sempre "By Your Side"...
Saudades de vc... Fica na paz...
Amo vc...
Bjuxxx no seu coração

Related Posts with Thumbnails

Minha família

My kind of Spirit...


You are the elusive Night Spirit.
Your season is Winter, when the stars are bright and frost crystallizes the fallen leaves.
You are introspective, deep-thinking, and mysterious.
Everyone is intrigued and a little intimidated by you because you have an aura of otherworldliness.
You work in extremes, sometime happy, other times sad, but always creative and philosophical.
You are more concerned with the unseen, mystical, and metaphysical than the real world.
Night Spirits have a tendency to get lost in themselves and must be careful not to forget reality, but their imagination is limitless.