________________________________


Comecei a escrever no momento em que percebi que só pensar não mais me satisfazia.

Precisava transbordar todo aquele pensamento que só ao meu universo de idéias pertencia.

Hoje, escrevo por pura necessidade, por irresistível vício e por agradável teimosia.




Claudia Pinelli Rêgo Fernandes ®



terça-feira, agosto 02, 2005

Last Goodbye??


Posted by Picasa

Last goodbye

Long before your rusted chains
Busted walls and barbed wire cage
Tried to hold me down
Time was just a fist of change
Tossed in the water just incase, you ever came around

I could lose myself
I could curse like hell
But I’ve lost the will, to even try

If you ever doubt
Listen to the sound
No lies no no no
This is my last goodbye

Now pardon me if I appear
To see beyond the now and here
To try to save myself
I’m not the kind to pin the blame
But I can’t take more of the same
Livin’ on your shelf

I could lose myself
I could curse like hell
But I’ve lost the will to even try
If you ever doubt
Listen to the sound
No lies, no no no
This is my last goodbye

Door closes another one opens
I feel the cold wind blowing
Over me

Hey
Long gone but not forgotten
I might be lost, I might be finally free
I’m finally free

I could lose myself
I could curse like hell
But I’ve lost the will to even try
If you ever doubt listen to the sound
No lies, no no no
This is my last goodbye



A tristeza me invade completamente...

Sinto como se não me governasse mais..

Sinto como se meu coração não me pertencesse mais..

E minha mente também..

Não penso, não falo, naum ajo mais como se eu fosse a dona de mim mesma...

Amo você, por isso vou te deixar livre..

Porque ninguém merece esse tipo de amor..

Mas saiba de uma coisa:

Apesar de estarmos agora separados por motivos que nos deixa abatidos e até desnorteados,
"a tua presença é qualquer coisa como a luz e a vida
E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto,
E em minha voz, a tua voz."

E sei que sua presença sempre estará aqui..

Na minha cabeça, no meu coração, na minha alma, no meu corpo...

Só me restam duas coisas:

1- Pedir desculpas por você ter me encontrado..

Por eu surgir na sua vida de repente..

Pedir desculpas por você ter encontrado uma pessoa tão problemática e ter o azar de se apaixonar por ela..

2- Dizer que você é um homem maravilhoso, quem estiver do seu lado, certamente será uma mulher muito feliz e que eu estarei torcendo para que ela seja uma pessoa sem tormentos nem problemas e que te faça muito feliz também, porque você merece demais..

"Eu deixarei,
Tu irás e encostarás tua face em outra face,
teus dedos enlaçarão outros dedos,
E tu desabrocharás para a madrugada."


Estarei sempre aqui..

Um bjo na sua alma linda...

Música: Last Goodbye do Kenny Wayne Shepperd.

2 comentários:

Anônimo disse...

Meu amor...
Prefiro falar "até outro dia" ao invés de um "último adeus"... Amo você, por isso vou te dar esse tempo... Se for pra ficarmos juntos um dia, não adianta fugir que o destino dá um jeito. Só o que me resta agora é curar as dores desse amor... Não sei se consigo te esquecer ou apenas adormecer esse sentimento, só o tempo vai dizer...
Você não tem que pedir desculpas por eu ter te encontrado, nem por você surgir na minha vida de repente, nem ter o azar de me apaixonar por você e nem por você ser problemática. Problemática ou não, confusa ou não, medrosa ou não, eu te amo!!! E isso é um fato mais que real... Acredito que você é minha alma gêmea e tinhamos que nos encontrar. Pena que foi nesse momento... Mas, cedo ou tarde, o encontro era inevitável...
Também estarei sempre aqui, e você estará sempre aqui dentro, de alguma forma.
Fica na paz meu anjo...
Um beijo na sua alma...
Te amo...

Edgar disse...

Meu Deus ...

Quando surpreendi a Claudinha num dia especialmente amargo ... meu instinto me disse ... ela não está bem! ela está muito mal.
Puxei papo ... ela esquivou-se e me "mandou" (isso mesmo: mandou! rssss) ler o seu blog. Foi o que fiz, curioso e preocupado que estava.
Minha constatação foi imediata e a transmiti à Claudinha: é o "réquiem do amor" ... o epitáfio de uma paixão.
**
Não gostei do que li, fiquei triste. Agora, passados uns dias, vejo que "anônimo" também comenta o mesmo texto. No caso, "anônimo" é o outro lado da questão.
**
Amam-se. Não se cabem em si de paixão. E separam-se.
Dizem coisas lindas, sacrifícios são explicitados, renúncias se sucedem.
**
Amam-se!
E desistem um do outro ... como todo ser que ama faz!!
O amor, para Claudinha e "anônimo" é algo inalcançável. Não há lugar neste mundão de Deus para o casal se encontrar, ficar junto, casar-se.
**
Expõem seu sofrimento para que todos saibam.
No entanto, falta-lhes a coragem de enfrentar os obstáculos que tão bem conhecem.
O que temem?! O que evitam?! Não consigo entender.
**
Sofrem para que talvez outros não sofram. São corajosos o bastante para não enfrentarem o desafio que esse amor lhes impõe.
**
Claudinha, minha querida amiga.
Eu lhe disse que não havia gostado do seu texto.
Sou francamente a favor do amor e da paixão, coisas que você e seu par dizem ter.
**
Digo-te com a franqueza que a distância me permite ... você e "anônimo" estão absolutamente equivocados.
Escolheram mal o caminho. Optaram pelo desencontro. O contrário do que deveriam ter feito.
**
Há tempo ainda? É possível voltar atrás?
O amor que dizem ter é mesmo tão forte e extremado assim?
**
Encontrem-se. Enfrentem as dificuldades. Amem-se o quanto puderem, enquanto puderem.
E se algum dia se arrependerem das respectivas escolhas, ao menos poderão dizer que tiveram a coragem de buscar sua felicidade.
**
Beijos, menina.
Edgar

Related Posts with Thumbnails

Minha família

My kind of Spirit...


You are the elusive Night Spirit.
Your season is Winter, when the stars are bright and frost crystallizes the fallen leaves.
You are introspective, deep-thinking, and mysterious.
Everyone is intrigued and a little intimidated by you because you have an aura of otherworldliness.
You work in extremes, sometime happy, other times sad, but always creative and philosophical.
You are more concerned with the unseen, mystical, and metaphysical than the real world.
Night Spirits have a tendency to get lost in themselves and must be careful not to forget reality, but their imagination is limitless.