________________________________


Comecei a escrever no momento em que percebi que só pensar não mais me satisfazia.

Precisava transbordar todo aquele pensamento que só ao meu universo de idéias pertencia.

Hoje, escrevo por pura necessidade, por irresistível vício e por agradável teimosia.




Claudia Pinelli Rêgo Fernandes ®



sexta-feira, setembro 28, 2007

Ser ou não ser baiano...






















Apesar de, logo após fazer esse "teste", ter entrado numa nóia considerável, achando até que meus pais podem ter me adotado num orfanato de outro estado, devo confessar que com alguns dos itens eu me identifico sim, é verdade.

Se você for ou acha que é baiano, faça o teste:



TESTE SUA BAIANIDADE


Você é baiano SE:


1. Você fica "virada(o) na porra" quando chove no fim de semana; (Nem um pouco. Posso até ficar virada na porra, mas por outros motivos.)


2. Agüenta comer pelo menos 2 acarajés sem passar mal; (Confere. Mas prefiro abará.)


3. Chama seu amigo de "corno", "viado"; sua amiga de "nigrinha", "piriguete"e eles não se incomodam; (Não. Se fizer isso, acabo levando porrada.)


4. Acha normal comer um "cacetinho" ou uma "vara"; (Normalíssimo.)


5. Acha legal ficar horas na fila do ferry pra passar o feriadão em uma casa com mais 30 pessoas; (Legal?? Deveria ser proibido por lei!)


6. Já "comeu água" no Chuleta; (Comer água, às vezes até como, mas nem sei onde é esse lugar.)


7. Vive se perdendo no Pelourinho; (Confere.)


8. Chama Graça de "Gáu', Wagner de"Váu", Gilberto de "Gil"; (Não nesses casos. Apesar de adorarrr um apelidinho)


9. Mata o gerúndio: - QuéquicêtáFAZENO? - Eu tô DURMINO"; (Não.)


10. Assiste ao filme OPAIÓ, entende tudo e dá muita risada; (Pode crer.)


11. Fica "rumando" sabonete, alfazema e um monte de tranqueira no mar no dia 02 de fevereiro; (Nunca.)


12. Marca um compromisso prá "de hoje a oito"; (Sempre. Ou de hoje a quinze)


13. Já chamou carinhosamente alguém de "tio", "esse menino" ou "coisinha"; (Acho que sim, hoje não mais.)


14. Fala "na moral", em vez de "por favor"; (Infelizmente, sempre! Esqueceram também de um, que juntamente com o "na moral", é minha marca oficial, o "Velho"...)


15. Acha compreensivo o diálogo, numa esquina do Curuzu:

- Colé de mermo, broder?
- É niúma!!!
- Vô pro reggae, táligado?... Vôcumêágua com os cara!!
- Vá nessa, véi!- Falô, maluco." (Claríssimo! Quer que eu traduza?)


16. Acha legal quando dizem que você é "miseravão" ou "putão"; (Nem pensar. Acho fim de carreira!)


17. É "casquinha" o ano todo, mas abre a mão pra comprar o abadá do "Chicletão"; (Só sou casquinha nessa hora. Chicletão?? Tá louco? Me inclua BEM fora dessa.)


18. Insiste em chamar o "Aeroporto Internacional Deputado LuisEduardoMagalhães" de "Dois de Julho". (Claro que sim!)


19. Já comeu moqueca de miolo, xinxim de bofe, sarapatel, mininico de carneiro, dobradinha, mocotó, buchada, rabada... E gostou. (Vamos esclarecer uns pontos... Xinxim de bofe, sarapatel e dobradinha, eu adoro. O resto, joga no lixo!)

20. Não vai embora, "se pica", "parte a mil", "se sai" e despede-se com um sonoro "fui". (Não.)


Contando as minhas respostas negativas neste teste (a metade), fiquei com uma triste dúvida: se posso, de fato, afirmar que tenho essa "baianidade", tão propalada, dentro de mim...


Só sei uma coisa, sou baiana sim, de berço e coração, e isso é o que realmente importa, não é?



Bjo.




Visite também:


Prosaicos Poemas

Um comentário:

sarah k disse...

5. Acha legal ficar horas na fila do ferry pra passar o feriadão em uma casa com mais 30 pessoas; (Legal?? Deveria ser proibido por lei!) - CONCORDO!!!!

DEVO SER MAIS OU MENOS BAIANA .. rs, será?? Tem muita vcoisa nessa lista que tem nada a ver comigo, já outras ... muito!

bjs
;-)

Related Posts with Thumbnails

Minha família

My kind of Spirit...


You are the elusive Night Spirit.
Your season is Winter, when the stars are bright and frost crystallizes the fallen leaves.
You are introspective, deep-thinking, and mysterious.
Everyone is intrigued and a little intimidated by you because you have an aura of otherworldliness.
You work in extremes, sometime happy, other times sad, but always creative and philosophical.
You are more concerned with the unseen, mystical, and metaphysical than the real world.
Night Spirits have a tendency to get lost in themselves and must be careful not to forget reality, but their imagination is limitless.