________________________________


Comecei a escrever no momento em que percebi que só pensar não mais me satisfazia.

Precisava transbordar todo aquele pensamento que só ao meu universo de idéias pertencia.

Hoje, escrevo por pura necessidade, por irresistível vício e por agradável teimosia.




Claudia Pinelli Rêgo Fernandes ®



sábado, novembro 17, 2007

Aluga-se um sorriso!


Atualmente,
quando sobre o Homem me pego a pensar,
quase sempre percebo em mim
uma sensação que de positiva não tem nada
e que ainda hoje consegue me preocupar.

E como é rara a situação
em que me sinto impelida de verdade a rir,
tive uma idéia de alugar um sorriso,
terceirizar uma boa risada
enfim, parar de mentir.

E então, você, caro amigo,
poderia me fazer um pequeno grande favor?
Você, para ajudar uma alma triste,
poderia sorrir no meu lugar,
e assim confundir sorriso com dor?


Claudia Pinelli Fernandes





"Choramos ao nascer
porque chegamos
a este imenso
cenário de dementes."


William Shakespeare




Visite também:


Prosaicos Poemas

2 comentários:

sarah k disse...

Menina, rs ... Eu te empresto, alugo, dou um dos meus sorrisos prá tu .. vivo rindo, apesar das mazelas desse mundo torto.

beijo
(voltei!, rs)
;-)

Claudia Fernandes disse...

Vou divulgar lá no Simples Palavras tb.
Bjo.

Related Posts with Thumbnails

Minha família

My kind of Spirit...


You are the elusive Night Spirit.
Your season is Winter, when the stars are bright and frost crystallizes the fallen leaves.
You are introspective, deep-thinking, and mysterious.
Everyone is intrigued and a little intimidated by you because you have an aura of otherworldliness.
You work in extremes, sometime happy, other times sad, but always creative and philosophical.
You are more concerned with the unseen, mystical, and metaphysical than the real world.
Night Spirits have a tendency to get lost in themselves and must be careful not to forget reality, but their imagination is limitless.